Some examples of MY RUNNING MUSIC !!! (Just click play to listen and enjoy)


Get a playlist! Standalone player Get Ringtones

Monday, February 11, 2008

BR135 Ultramaratona 2008

Veja minha versao curta da ultramaratona BR135:

Parte 1 (17min)



Parte 2 (2 min)




O seguinte eh um artigo do jormal que foi publicado em Ingles da minha experiencia correndo na BR135 Ultra de 2008



Jarom Thurston, de Payson, Utah recentemente retornou do Brasil depois de competir na ultra maratona mais dificil do Brasil e provavelmente uma das mais dificeis do mundo chamada de BR135. Com uma distancia de 217km e mais de 10,000m de elevacao total, essa corrida ocorre todo ano em Janeiro pela linda Serra da Mantiqueira, durante o periodo de chuva.


Jarom cobriu os 217km em apenas 45 horas e 43 minutos, saindo no setimo colocado entre 41 participantes de varios paises diferentes. Sob chuva forte e muita lama, nao e surpresa que apenas 27 dos 41 atletas que largaram terminaram a prova. O atleta Adilson, que reside no local montanhoso ganhou a prova com um tempo de 30:18:00


Diferente dos demais corredores, Jarom nao tinha o luxo de ter uma equipe de apoio seguindo ele. Ele correu os 217km solo com apenas uma mochila nas costas e varias garrafas de agua. Ele levou dinheiro para poder comprar comida na rua e abastecer a mochila quando necessario e nao era contra as regras da prova receber apoio das equipes de suporte dos outros atletas, que ele aceitou em ocasiao e foi grato pela ajuda deles.


Jarom comentou que a organizacao foi fantastica e que as 3.000+ marcacoes pelo percurso o tornou quase impossivel de se perder, embora alguns atletas se perderam. Tinha tres pontos de apoio da organizacao com chuveiros, camas e comida quente que ajudou muito.


Jarom descreveu as dificuldades que encountrou durante a prova: "O desafio maior foi os meus pes molhados depois de horas e horas de pancadas de chuva. Tinha lugares que passamos que tinhamos que correr por corregos e pocas de agua que cobriram nossos tenis inteiros. Na manha do segundo dia meus pes estavam mals pra caramba. Eu tinha bolhas de tamanho de uvas grandes em todo lugar, mas as partes mais dolorosas foram os rachados que se criaram nas solas dos meus pes. O que me salvou de verdade foi super-bonder, acredita?"


Agora o Jarom da risada ao lembrar dos ultimos 40km da prova durante a segunda noite, com apenas 45 minutos de sono em um dos pontos de apoio. Ele conta que ficou em varios estados de delirio onde ele perdeu consciencia do que estava fazendo. "Tinha horas que eu nem lembrava do que eu estava fazendo ou que eu estava participando de uma ultra maratona. Eu me lembro que ficava pensando que eu estava participando de algum tipo de brincadeira de caca ao tesouro e perdi muito tempo parando e olhando pro chao do caminho procurando tesouros. Eu nao sei do que eu estava procurando, apenas tinha certeza que era pra eu procurar algo."


Alcancando a linha de chegada na cidade pequena de Paraisopolis foi um momento emocionante ele diz. "Eu nao acho que tinha qualquer um que completou a prova que nao chorou lagrimas de alegria e dor na chegada." A BR135 cobre uma parte do bem conhecido Caminho da Fe, um caminho de peregrinos brasileiro onde centenas de peregrinos passam todo ano. "Eu senti o espirito do Caminho da Fe e creio que essa foi minha peregrinacao pessoal. Eu aprendi mais a respeito de mim mesmo durante aquelas 45 horas do que a maioria aprendem numa vida inteira. Eh justamente por isso que amo esse esporte."


Se alguem pergunta ao Jarom por que ele queria enfrentar aquelas condicoes tao dificeis e correr a prova, ele ira responder, "Para me qualificar para a Badwater Ultra Marathon, claro!" Ele tinha ido para o Vale da Morte no deserto Mojave na California para dar apoio para alguns amigos atletas brasileiros em Julho de 2007. Ele foi o Pacer da Monica Otero, a primeira Brasileira (e ate Sul-Americana) a se qualificar e completar a prova de 217km no deserto. Foi uma experiencia tao legal que ele fez uma promessa para ele mesmo de um dia se qualificar e correr a mesma corrida atravessando o deserto Mojave. O sonho dele pode talvez ser realizado agora que ele completou a BR135. Sua inscricao para Badwater foi enviada apenas dois dias apos ter terminado a prova no Brasil. Agora ele espera a publicacao da lista de atletas selecionados para a prova Badwater 2008.




45 horas 43 minutos - Setimo colocado

41 largaram mas apenas 27 terminaram

Eu chegando em Estiva (175km de 217km)


BR135 na TV
Parte 1:


Parte 2:


Parte 3:


Video de 2007:

1 comment:

jason said...

hey, here is the site i was talking about where i made the extra cash......

this site ..